A ida ao primeiro dia no berçário

Segunda feira passada foi o primeiro dia da minha filha no berçário.

O mais animado com a novidade era o meu filho. Quando eu contei pra ele que a irmãzinha teria o seu primeiro dia de aula, ele veio correndo todo orgulhoso trazendo sua mochila antiga do Barney (porque esse ano ele ganhou uma nova de presente da avó).

FILHO: Vou emprestar a mochilinha do Barney pra ela, tá bom mãe?

A mochila é praticamente do tamanho dela. Mas ela não se importou muito com isso.

bercario2

Preparamos a mochila com a troca de roupa, escova de dentes, casaco, copo de suco, fraldas… Meu filho também quis ajudar, ele trouxe vários de seus brinquedos favoritos, afinal, “ela pode ficar com vontade de brincar de lego” ou para o caso de “ela ficar com vontade de pôr a máscara do batman”.

Ele estava realmente empolgado.

Bom, o esperado dia chegou. Descemos até o carro. Eu, as duas mochilas de rodinhas, minha bolsa, e as duas crianças, cada uma com seu potinho de sucrilhos. Uma cena que seria trágica se não fosse cômica (mas isso é assunto pra outro post…)

Prendi um na cadeirinha, prendi o outro na cadeirinha, coloquei as mochilas no banco do carona, e lá fomos nós.

EU: Filho, a sua irmã nunca foi na escola. Vai ser o primeiro dia dela. Você não quer dar umas dicas, explicar um pouco como funciona…?

Eu estava esperando que ele contasse um pouco sobre o dia a dia dele na escola. Sei lá, que falasse para ela que ela iria brincar, iria pintar, conhecer amiguinhos novos, cantar, aprender várias coisas diferentes…

Mas eis o que ele diz:

bercario 1

Hm.. não era bem o que eu esperava, mas… ok. É justo. Ela vai realmente tomar lanche e almoçar por lá.

Continuamos o caminho até a escola com o meu filho tagarelando sobre coisas aleatórias (“olha mãe aquela torre que alta!!“, “Mãe você viu aquele passarinho que passou aqui do lado?, “O Pedro* da minha classe tá com febre e faltou na escola.“, “Quem achar um carro vermelho primeiro ganha, ACHEEI!!!!“). E ouvindo a música do trem maluco (mãe, de novo o trem maluco. Agora de novo. E de novo. É a moda do momento, repetir 593847 vezes a mesma música)

Aí, primeira parada: escola do meu filho. Tiro-o de sua cadeirinha, separo sua mochila, dou um beijo de despedida e falo:

EU: Dá tchau pra sua irmã, filho! Fala boa aula pra ela!

FILHO: Tchau irmazinha! Boa aula.

Ele já estava entrando no portão quando olha pra trás e grita sua última recomendação (que na verdade é uma ameaça):

bercario3

E com isso, se vira e entra na escola, saltitando com sua mochila de rodinhas.

Bom, não deixa de ser um bom conselho, né? Afinal, ninguém quer se meter em briga logo no primeiro dia…

(Fim da parte 1)

__________________________________

* os nomes foram alterados para a preservar a identidade dos menores de idade.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s