O dia em que a privada entupiu

Um dos marcos do amadurecimento de nossos filhos é quando eles aprendem a usar o banheiro sozinhos. Não é emocionante?? Todo mundo lembra do momento em que eles param de gritar pela casa MAAAAE, ACABEI, e de repente já sabem se virar sozinhos, dar a descarga, lavar as mãos. 

São praticamente mini adultos. 

Pois bem. Essa semana eu estava “tranquila” no meu home office quando de repente: 


Vou até lá verificar o tamanho do estrago. 
Para preservar você, meu querido leitor, vou poupá-los dos detalhes sórdidos. Direi apenas que a água estava tão alta que fiquei com medo de transbordar. 

Acesso o meu cérebro em busca de conhecimentos prévios sobre o assunto. Sei que devo esperar a água descer e depois tentar de novo. Fico ali olhando pro vaso, mas a água desce a meio centímetro por hora.
Não tenho tempo pra isso, preciso voltar ao trabalho. 

Coloco o cesto de lixo do banheiro em cima da tampa privada como um sinal de NÃO USAR. Meus filhos são tão preguiçosos que se verem o cesto lá em cima jamais se dignificarão a tirar – eles mesmo se retiram dali e vão para o meu banheiro.

Na hora seguinte eu fico voltando ao banheiro de meia em meia hora e dando a descarga, jogando coisas que já ouvi falar que funcionam (como água quente, coca cola e bircabonato de sódio) com a esperança de que o conteúdo da privada tivesse a bondade de se retirar para o lugar a que pertence. 


Mas isso não acontece.

Espero mais uma hora (levo filho na atividade, busco filha da casa da amiga) e tento de novo. Nada.
Quando percebo que aquilo não vai dar certo, apelo para o meu amigo fiel, que nunca me deixa na mão:




O primeiro resultado que aparece é um anúncio pago de uma desentupidora 24 horas. Envio uma mensagem e eles respondem na mesma hora, explicando que enviam uma equipe até o local para fazer uma avaliação e passam um preço. Só precisam do meu CEP. 

Equipe? Avaliação? Pelo amor de deus, é uma privada entupida. Não física quântica. Passo meu CEP e eles respondem que tem disponibilidade imediata. 
Acho suspeito. 

Ele só vai me passa um valor quando estiver dentro da minha casa? Acho MUITO suspeito. E ainda mais, estou sozinha com os três. Já pensou se é golpe? 


Agradeço e digo que vou tentar resolver sozinha. 
Se eu consegui parir três crianças, o que é uma privada entupida? Se eu consigo manter a sanidade mental (quase) todo santo dia, o que é uma privada entupida? 

Saber desentupir uma privada aliás é o MÍNIMO que você tem que saber para se tornar um adulto maduro. Digno de ter uma casa. Pronto, virou questão de honra. 

Me sinto empoderada e decidida. 

Arregaço as crianças e chamo as crianças: 


MISSÃO: Comprar material necessário para desentupir essa joça. 
Eles se animam e em minutos estão prontos na porta. 
“Vou levar minha lanterna” diz minha filha. “E eu vou levar biscoito”.  Saímos munidos de mantimentos e materiais. Estou confiante. Não tem como dar errado! 

Vamos até o mercado, mas lá não tem desentupidor. 


“CRIANÇAS, VAMOS!” Saímos correndo do mercado e entramos no carro, velozes e furiosos.

Em 5 minutos chegamos, e outro gentil vendedor me oferece dois produtos IMPRESCINDÍVEIS para se desentupir uma privada:
1-Diabo verde (líquido mágico que você joga lá) (27,90)
2-Um desentupidor (aquele que é uma borracha presa num pau de madeira (28,10)


p.p1 {margin: 0.0px 0.0px 0.0px 0.0px; text-align: justify; font: 12.5px Muli} p.p2 {margin: 0.0px 0.0px 0.0px 0.0px; text-align: justify; font: 12.5px Muli; min-height: 16.0px} span.s1 {font-kerning: none}
Munidos com nossas novas ferramentas, voltamos para casa. Jogamos o diabo verde e rezamos. 
Depois, enfio o desentupidor lá dentro. E sabe o que acontece? 


O PAU SE DESCONECTA DA BORRACHA


Como eles não me pregam a borracha no pau? E defeito de fábrica ou é sempre assim? Agora, além de 
uma privada entupida tenho uma borracha enorme grudada lá dentro.


É o famoso: quando você acha que não dá pra piorar… 

Nisso, as crianças já estão aos berros de tanto rir. 

Simon trouxe o ipad e começou a me filmar, e Lea, a pequena está histérica porque quebramos o mais novo integrante dessa casa – o desentupidor. 

Crianças de 4 anos podem ser extremamente sensíveis e delicadas. 

Bom, vou pular a parte em que eu pesco a borracha com o pau de madeira, e despejo praticamente todo o diabo verde lá dentro.

Só sei que de repente (mais de 1 hora depois) a coisa flui e a privada instantaneamente está nova! Linda, agua cristalina, descargando que é uma maravilha. 

Se existisse um anúncio de vasos sanitários, ela seria a modelo perfeita. 

As crianças estão eufóricas e orgulhosas de si mesmas  – como não estar?

Depois do banho, preparamos milk shakes em comemoração. Afinal, a ocasião merece. 

Resumo da ópera: 

1. Você é capaz de mais coisas do que imagina.

2. Crianças adoram participar de pepinos domésticos – faça-os participar sempre que der. 

3. E mais importante: não menospreze as possibilidades de aprendizados diários. Até uma privada entupida pode te ensinar algo.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s