Vamos ao teatro?

Adoro levar meu filho ao teatro. É um programa fácil para nós, mães, por inúmeros motivos.

Como por exemplo:

– Tem começo, meio e fim. (Ou seja: não precisa inventar hora pra ir embora)

– É cheio de outras crianças, então tudo bem se seu filho der uns gritos ou fizer bagunça. Ele nunca vai ser O MAIS bagunceiro do lugar.

– É um programa em que as mães não precisam inventar malabarismos, joguinhos e passatempos. Nem cantar, dançar e contar historinha. Porque o entretenimento já vem com a peça.

– Basta sentar confortavelmente na poltrona e relaxar (menos quando o filho ainda é pequeno – aí ele pode ter medo ou vontade de fazer xixi)

Por isso, ir ao teatro é quase um momento de folga para nós.

A primeira vez que levei meu filho ao teatro foi quando ele tinha pouco mais de um ano para assistir Os Saltimbancos, e como ele conhecia as músicas estava super empolgado. Ficamos até o fim da peça e ele amou!

Desde então procuro levá-lo sempre que dá.

Teve uma época que ele achava que a peça terminava quando ele acabava de comer a pipoca e o suco dele. Então ele simplesmente levantava e falava:

cabou pipoca

Mas ainda faltava meia hora de história, e não tinha argumento que fizesse ele sentar pra terminar de assistir…

Quando tiramos a fralda, ele teve a fase “quero-fazer-xixi-na-hora-mais-inconveniente-possível”. Como por exemplo, na única vez em que não sentamos no corredor e sim no meio. Ou quando estávamos na penúltima fileira. Aí ele precisava fazer xixi a cada quinze minutos.

Quando fomos assistir João e Maria não tinha lugar na plateia então tivemos que sentar lá em cima, nas laterais. Perdi a conta de quantas vezes tive que descer toda aquela escada para levá-lo ao banheiro. Acho que ele estava curtindo mais o sobe e desce do que a peça.

Lembro-me de quando fomos assistir ao João e o Pé de Feijão. Ele saiu do teatro confuso dizendo:

FILHO: Mas mãe, eu não vi o pé do feijão.

Tentei explicar que um pé de feijão era uma planta que dava feijão.

tofeijao

Mas não tive muito êxito. Então desencanei.

Bom, o teatro desse domingo seria Pedro e o Lobo. Era uma peça feita com bonecos e luz negra, super diferente. Havíamos combinado com uma amiguinha da escola e os dois estavam super felizes, bagunçando na fila, rindo de tudo, correndo de um lado pro outro do hall do teatro, pulando e conversando sem parar.

Criança dessa idade adora falar. Sério. As vezes eles nem estão falando sobre o mesmo assunto, mas continuam conversando mesmo assim:

blablalba

Tudo estava correndo bem. Compramos os mantimentos, levamos todos ao banheiro e entramos para procurar nossos lugares, no meio daquele mundaréu de crianças empolgadas e pais tentando se instalar.

Sentamos e logo a peça começou.

Meu filho estava com os olhinhos arregalados super concentrado nos diálogos e nas músicas. Fui explicando pra ele o que ia acontecendo, só para o caso de ele não entender.

Aí, depois de ter passado uns dez minutos de peça, quando todos os personagens já tinham aparecido e já tinham definido um inimigo comum (o lobo mau), meu filho, que estava quietinho desde o início, me chama e pergunta:

teatronegra

Oi? Como assim quando vai começar? Na hora morri de rir, e respondi que já começou. Apontei pra pata e falei:

EU: Olha a pata nadando no lago, acho que o lobo vai pegar ela.

Não sei o que ele estava pensando… Acho que a luz negra o deixou confuso, e ele queria saber quando iam iluminar o palco.

Mas depois pareceu seguir a história sem problemas. Ele saiu do teatro feliz e super satisfeito com o fim da peça (porque o lobo é preso e vai pro zoológico), saltitando de um lado pro outro com sua amiguinha. E eu saí da peça ainda rindo da pérola dele.

Essas crianças tem cada uma….

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s